IMG_0927.JPG

"Diagnosticar precocemente é um dos pilares do tratamento do câncer. Não devemos ter medo de fazer o diagnóstico. Devemos pensar na possibilidade quando ela se justifica, fazer o encaminhamento o mais rápido possível e usar de toda a tecnologia moderna, nosso envolvimento e a nossa paixão para fazer com que essas crianças possam alcançar o melhor resultado.”

Dr.  Vicente Odone Filho, diretor clínico do Instituto ITACI.

75% são as chances de vencer o câncer infantojuvenil,

se a doença for descoberta logo no início e tratada em

centros especializados e de boa qualidade.

O que é o câncer infantojuvenil?

 

É um grupo de várias doenças que têm em comum a proliferação descontrolada de células anormais que pode ocorrer em qualquer local do organismo. Os tumores mais frequentes na infância e na adolescência são as leucemias (que afetam os glóbulos brancos) e os do sistema nervoso central e linfomas (sistema linfático). Mas também merecem atenção o neuroblastoma (tumor de células do sistema nervoso periférico, frequentemente de localização abdominal), o tumor de Wilms (tipo de tumor renal), o retinoblastoma (afeta a retina, fundo do olho), o tumor germinativo (das células que vão dar origem aos ovários ou aos testículos), o osteossarcoma (tumor ósseo) e os sarcomas (tumores de partes moles).

Percebendo alguns destes sintomas,

procure urgentemente
um especialista.

• palidez;

• dor óssea;

• hematomas;

• caroços;

• inchaços;

• perda de peso inexplicada;

• dores de cabeça ou nos membros;

• alterações oculares;

• febre e sudorese noturna.

Abrace a causa do câncer infantojuvenil. Participe!

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon

© ITACI - Instituto de Tratamento do Câncer Infantil. 

Todos os direitos reservados.

Fundação Criança CNPJ: 00.462.613/0001-40

Rua Galeno de Almeida, 148 - Pinheiros

 São Paulo - SP - CEP 05410-030

Informações: (11) 2661-8962

(11) 2661-8963

(11) 2661-8968